Local da história: Cachoeira do Rio Brumado, Livramento / Bahia

Data da história: outubro de 2012

Enviada por: Ricardo Silva Santana

Em busca de aventuras pelo Sul da Chapada passamos por algumas cidades históricas de belezas raras e paisagens como nenhuma outra igual. Saindo da Capital da Bahia às 19hrs rumo a Barra da Estiva, só de passagem, na chegada fomos recebidos por um frio de 13º (para nós soteropolitano isso é muito frio), uma cidade um tanto pacata como parte do interior da Bahia conversamos com alguns moradores e descobrimos a dificuldade de deslocamento para uma cidade vizinha, Rio de Contas, embora a distancia fosse só de uns 70km de estrada de barro chegaram a cobrar R$200,00 pelo deslocamento, claro que não aceitamos, mais um pouco a frente nos informaram que poderíamos pegar um ônibus para Brumado às 8hrs e de lá pegaríamos outro para Rio de Contas às 12hrs e assim nós fizemos…

Depois de ter pegado um ônibus nada agradável, muito empoeirado e uma estrada de barro paramos em Brumado e já compramos a passagem para Rio de Contas mas antes almoçamos em um restaurante que o suco de maracujá tinha gosto de suco de cacau, segundo a senhora que nos atendeu disse que era maracujá da região, tinha uma aparência de limonada, assim mesmo tomamos. Seguindo nosso destino passando pela cidade de Livramento avistamos uma cachoeira um tanto curiosa com uma altura de uns 80m de queda passando próximo a BA-148 (estrada verde) foi aí que aguçou o nosso instinto de aventura e saltamos a beira da estrada para conhecer um pouco mas dessa beleza, Cachoeira do Rio Brumado.

Subindo um pouco na estrada, de cor verde, pegando uma estradinha de barro cada vez mas próximos a beleza era ainda mais encantadora! Avistamos ali também a Estrada Real mais a nossa meta era a cachoeira, chegando um pouco mais a frente avistamos um pequeno riacho com uma ponte rodeada de grandes árvores e do outro lado algumas grandes rochas e foi aí que tivemos a ideia de acampar no local, paramos para tomar um banho e conhecer um pouco mais do ambiente, vimos que tinha um vigilante, peguei algumas informações e perguntei se ali era proibido camping, ele afirmou que não, podíamos acampar numa boa.

Com bastante árvores e galhos secos para lenha, água a vontade era tudo que precisávamos! Já era fim de tarde nos organizamos e ali ficamos, anoiteceu e as luzes da cidade de Livramento deram mais um tom de espetáculo do local.


Atenção! Você curte nosso site e nosso trabalho? Curte as dicas e conhecimentos que produzimos? Então pedimos que você colabore fazendo uma pequena doação, o quanto você puder pagar... Essa é uma forma de manter nosso site funcionando. Qualquer valor para nós faz toda diferença para ajudar a manter o site no ar. Para doar apenas Clique no Botão abaixo!


COMPARTILHAR
Perfil institucional da Equipe FuiAcampar que mantém esse portal e busca fazer dele um site referencial em Campismo no Brasil. O objetivo é estimular o movimento campista e fornecer informações confiáveis, incentivando a descoberta de novos destinos em contato sustentável com a natureza.