Estar longe de um centro urbano quando ocorrem acidentes pode ser um problema grande, principalmente se houver a impossibilidade de deslocamento da vítima. Confere as dicas abaixo para saber como agir em casos de fraturas.


Quando saímos para acampar ou realizar alguma outra atividade de aventura, frenquentemente caminhamos por trilhas, rochas ou terrenos irregulares, molhados e escorregadios, e a possibilidade de quedas e fraturas é grande. Nesses casos, é importante saber avaliar o problema e imobilizar o local da fratura de forma adequada para que a situação não se agrave a ponto de se tornar uma lesão permanente.

 O que são as fraturas

Uma fratura é uma situação em que há perda da continuidade óssea, geralmente com separação de um osso em dois ou mais fragmentos. A gravidade varia bastante; alguns traumas se resolvem com facilidade sem precisar de intervenção medica, enquanto para outros casos a gravidade da lesão faz a intervenção ser essencial.

Tipos de fraturas

Existem diversos tipos de fraturas, mas na prática, para quem vai prestar os primeiros socorros, o que vale saber são esses 2 tipos:

Fechadas –  Quando, apesar do choque, deixam a pele intacta. Nesse caso, não é possível ter certeza se realmente houve uma fratura.

Abertas (expostas) – Ocorre quando o osso quebra e se desloca, perfurando a pele.

Sintomas de fratura

– Incapacidade total ou parcial de movimentos

– Dor ao tentar movimentar o local

– Inchaço na área atingida

– Posição anormal do membro atingido (fora da posição anatômica)


 

O que fazer em caso de fratura

Inicialmente cabe aqui dizer que, para uma fratura não virar uma lesão mais séria ou permanente, dependerá muito de como a vítima irá se comportar até chegar a um atendimento médico.

– Faça um primeiro diagnóstico visual observando o que aconteceu. Se a pessoa sofreu uma fratura, ela sentirá muita dor no local ao apalpá-lo ou movimentá-lo, ou nem conseguirá fazê-lo.

– Evite movimentar o local afetado.

– Imobilize o local – o lugar fraturado não pode ser mexido. Precisa ser imobilizado na forma que estiver.

– Se o membro quebrado for braço ou perna, é preciso fazer a imobilização de todo o membro. Para isso, imobilize as articulações acima e abaixo do membro ou região lesionados (antes e depois da fratura), procurando movimentar o mínimo possível a área afetada, com talas apropriadas ou, não havendo-as, pode-se improvisar com pedaços de papelão dobrados, pedaços de madeira etc.

– Em caso de fraturas fechadas, se puder, aplique compressas com gelo na área afetada. Isso causará diminuição da dor e ajudará na recuperação da lesão no caso de entorses.

Em caso de fratura aberta (exposta):

– Imobilize o membro como ele está. Não tente colocar o osso no lugar!

– Em fraturas expostas haverá a perda de sangue. Por isso, além de fazer a imobilização, é preciso também controlar a hemorragia (se for necessário faça um torniquete, jamais sobre a fratura).

– Afaste as roupas. Se precisar, rasgue ou corte para evitar de mexer na área lesionada.

– Após controlar a hemorragia, cubra o local de sangramento com um pano limpo ou gaze (que deve estar no seu kit de primeiros socorros), para evitar o contato com o ambiente.

Independentemente do tipo ou gravidade da lesão, TODAS as fraturas precisam de atendimento médico. Esse é um problema que não pode ser “resolvido” no acampamento, ou seja, o que damos são apenas dicas para os primeiros socorros antes do encaminhamento imediato para o hospital ou outro local com atendimento médico especializado.

Somente após chegar ao hospital e realizar os exames radiográficos, combinados com a avaliação médica, será possível saber o tipo de lesão e a sua gravidade.


Dicas para acidentes em áreas remotas

Com possibilidade de deslocamento

Se houve a fratura, mas ela aconteceu em uma parte do corpo que não impede que você se desloque, como braços, mãos, nesse caso:

– Faça a imobilização do local seguindo as instruções acima e procure atendimento médico.

Com possibilidade de deslocamento, mediante a ajuda de terceiros

Se houve uma fratura em algum membro como pernas ou pé, e a vítima não consegue se deslocar sozinha mas sim com a ajuda de amigos, nesse caso:

– Primeiramente faça a imobilização do local, seguindo as instruções acima. Se a vítima precisar ser carregada no colo ou em alguma maca, é extremamente importante que a imobilização do membro fraturado seja feita com muito cuidado e eficiência. Dependendo da forma como a pessoa for carregada, poder vir a piorar a lesão. Se ficar em dúvida sobre a possibilidade de deslocar a vítima sem movimentar o membro lesionado, avalie a possibilidade de chamar o resgate até o local onde ocorreu a fratura.

Sem possibilidade de deslocamento

Dependendo do tipo de fratura, se ela for nas pernas, pés, tronco ou outro local que impeça a vítima de caminhar e não seja possível fazer o deslocamento dela até algum local com estrutura, nesse caso:

– Faça a imobilização do local fraturado e chame o resgate imediatamente!

Dependendo da hora e do local em que você estiver, se houver o risco de escurecer antes de o resgate chegar, procure providenciar agasalho, fonte de luz e água antes de começar a anoitecer. Ao escurecer, fique junto à vítima e aguarde o resgate.


IMPORTANTE!

Vale ressaltar a importância de SEMPRE, em qualquer trilha ou aventura, carregar com você um kit de primeiros socorros, água, lanterna, faca e um agasalho. Isso é valido independentemente do local em que você for. Nunca saia para o meio do mato ou qualquer área isolada sem esses itens.

Um telefone celular, com bateria, também deve estar na lista de itens indispensáveis, apesar de que, dependendo de onde você estiver, ele poderá não funcionar. 

Além disso, é importante você também avisar as pessoas mais próximas para onde você está indo, com quem e o tempo que permanecerá.


Atenção! Você curte nosso site e nosso trabalho? Curte as dicas e conhecimentos que produzimos? Então pedimos que você colabore fazendo uma pequena doação, o quanto você puder pagar... Essa é uma forma de manter nosso site funcionando. Qualquer valor para nós faz toda diferença para ajudar a manter o site no ar. Para doar apenas Clique no Botão abaixo!