Acampar na chuva é sem dúvida um desafio, especialmente para os iniciantes. É inevitável molhar algumas coisas nas primeiras acampadas com muita chuva, mas com o tempo a gente vai aprendendo e ganhando experiência e perdendo o “medo” de acampar com chuva!

Veja só essas dicas que preparamos, em conjunto com um monte de campistas, justamente para ajudar a ter uma experiência bacana mesmo debaixo de chuva.

Escolha bem sua barraca

Bom, para começar, a dica mais importante de todas, para quem quer acampar na chuva é saber escolher uma boa barraca.

Confira o que você precisa olhar na hora de comprar uma barraca:
1º – Compre sempre barracas com coluna de água superior a 1000 mm (quanto maior a coluna de água melhor)!
» Acesse aqui e entenda melhor o que é coluna de água

2º Compre uma barraca com todas as costuras seladas.
» Acesse aqui e entenda melhor sobre costura seladas

3º Compre barracas com quarto e sobreteto e preferencialmente com sobreteto completo, que cubra todos os lados da barraca. Quanto mais pontos de fixação (espeques) a barraca tiver melhor!

Se você vai acampar por bastante tempo procure levar uma barraca que tenha um avanço grande, porque na hora da chuva, quando tudo está molhado, é ótimo ter um espaço externo seco para colocar as coisas.

Monte sua barraca corretamente

Mas não adianta nada ter a melhor barraca do mundo e não saber montar ela! Quando falamos em montar corretamente significa colocar todos os espeques, do quarto e do sobreteto. Esticar ela, não deixar o tecido do sobreteto encostar no tecido do quarto.

Outra dica super importante é colocar todos os esticadores (cordinhas) da barraca, pois eles ajudam a dar estabilidade e são importantes especialmente em situações de chuva com vento. É preciso saber preparar a barraca o melhor possível para acampar na chuva.

Local de Montagem

Além de ter uma boa barraca e saber armar ela corretamente, outra dica é sobre onde colocar.

Terrenos baixos

Nunca coloque a barraca em terrenos baixos, que é onde durante a chuva a água vai acumular e formar uma poça. Sempre procure um local que seja um pouco mais alto, para que a água logo escorra para longe da barraca. É preciso que o local tenha um bom escoamento. Na dúvida, fale com o administrador do camping e pergunte onde alaga e onde não alaga. Quem está sempre no local é a pessoa mais indicada para dar esse tipo de informação.

Fotos: Douglas Shineidr / Jornal do Brasil

Rios

Nunca coloque sua barraca próxima de rios ou cachoeiras. Pode ser tentador, mas é realmente perigoso. Quando começa a chover o rio pode subir rapidamente e alagar sua barraca, ou pior que isso. Às vezes a chuva está longe, mas pode pegar uma parte mais alta do rio e ele logo encherá onde você está. Esse assunto é muito sério. Nunca, nunca, nunca subestime a força das águas em um rio, acampe longe, especialmente nas épocas de chuvas.

Praias

O mesmo que vale para os rios, vale para o mar. Se estiver acampando em uma praia, afaste sua barraca o máximo possível do mar, para a maré não pegar você no meio da noite. Pior ainda se chegar uma ressaca sem aviso, e elas chegam!  Previna-se.

» Acesse aqui e veja essas 1o dicas bacanas sobre onde montar a barraca

Árvores

Então, antes de colocar sua barraca debaixo de uma árvore, SEMPRE dê uma olhada para cima e veja se ela está bem, se os galhos não estão fracos ou podres e veja se não é uma árvore frutífera. Nunca acampe embaixo de uma jaqueira, por exemplo. E uma mangueira ou abacateiro também não são as melhores opções e, se cair uma fruta, elas podem quebrar uma barraca ou machucar alguém. Evite a sombra de árvores frutíferas.

Há quem diga que não se deve montar a barraca debaixo de árvores porque, em dias de tempestades, pode cair um galho e matar você enquanto dorme. Bom, não deixa de ser verdade, e de fato isso já aconteceu, mas eu acho que a chance de isso acontecer é bem menor que você ser atropelado na cidade que mora. As árvores amenizam a chuva e ainda dão aquela sombra durante o dia. Eu prefiro a certeza de uma sombrinha gostosa e corro o risco do galho, mas é uma opção pessoal!

» Acesse aqui e veja dicas e informações para acampar com tempestades e raios

Proteção extra

Muitas pessoas, especialmente quando querem mais conforto, ou vão acampar por mais tempo, gostam de uma proteção extra, além da barraca como lonas ou gazebo.

Gazebos: Se quiser colocar um gazebo em cima ou a frente da barraca, sugerimos que pesquise bem antes de comprar, pois nem todos são muito resistentes em caso de ventos fortes e você pode precisar reforçar com cordas e pontos de fixação extras.

Lonas: Já em vez de um gazebo você pode usar uma lona, que é algo mais simples, mas daí é preciso bastante atenção ao prender a lona. É preciso comprar uma lona que atenda ao tamanho que você precisa e que tenha as bordas reforçadas e com ilhoses nas extremidades. Lonas de baixa qualidade podem facilmente gastar.

Ao prender a lona é importante fazer isso com tensão e firmeza para que a lona não fique se batendo ao vento. Quanto mais pontos se fixação a lona tiver, melhor. Deixa ela esticada, sem dobras! É preciso também prestar atenção para que a lona não fique empoçando a água da chuva, faça com inclinação para que toda água escoe direto da lona.

Foot print: Já para quem quer colocar uma lona abaixo da barraca, como se fosse um Foot print a dica é bem simples: a lona não deve jamais ultrapassar o tamanho da barraca, para que não chova sobre ela e não acumule água entre a lona e o piso da barraca. O ideal é que o tamanho da lona seja ligeiramente menor que o tamanho do piso (se for maior você pode dobrar é claro.

Mas se acontecer de você montar a barraca em um terreno que alaga, o ideal é depois da chuva tirar a lona de baixo, para que a água não fique acumulada entre as duas lonas. 😉

» Acesse aqui para saber mais sobre esse assunto

Outras Dicas Super Práticas para Acampar na Chuva

Jogos – Jogos pequenos e portáteis são sempre uma boa pedida no camping com chuva: cartas, dominó, resta um, batalha naval, etc. Além disso disso vale levar palavras cruzadas e claro, um bom e companheiro livro! Quantas vezes no dia a dia você tem tempo para parar e ler um livro? No camping na hora que estiver chovendo você terá tempo! 😉

Saco estanque ou saco plástico –  São equipamentos essenciais para proteger especialmente aquelas coisas que não podem molhar, como eletrônicos, saco de dormir, roupas. Se você não conhece ou não confia muito na sua barraca (ou se a chuva está fora do “normal”) coloque as coisas que não podem molhar em um saco estanque e afaste da laterais da barraca (onde mais provavelmente a água irá infiltrar), especialmente se estiver acampando em terreno arenoso, quando costuma respingar para dentro, pelas laterais.

Saco Estanque da STS, para proteger tudo de qualquer chuva!

Guarda chuva, capa de chuva, anorak – Pode parecer óbvio e é! Mas também é prático! Se você for acampar e começar a chover demais, dependendo do clima (temperatura), nada melhor que ter algo que mantenha você seco. Ter que ir fazer xixi no meio da noite, na chuva e voltar para a barraca encharcado não é muito bacana, pode acreditar. Até uma capa de chuva descartável pode ser útil.

Toalha extra –  É sempre uma boa dica levar uma toalha extra (que não seja para o banho) para poder secar ou limpar coisas. Também para secar o pé antes de entrar na barraca, ou ainda para dar uma secada geral se estiver tudo molhado no dia de ir embora. :/

Fita tape – É a salvadora de muitos acampamentos! Ela não resolve os problemas definitivamente, mas quebra muito galhos, até mesmo de infiltração de água. Dá para colocar em algum furo no piso, remendar uma vareta quebrada etc.

Boa Companhia –  Mas, de todas as dicas, não existe nenhuma mais importante que na hora da chuva estar cercado de amigos, boas companhias, que encarem tudo com diversão e bom humor! Na hora de encarar chuva no acampamento dê preferência para as parcerias menos mi-mi-mi possíveis!

A chuva às vezes pode ser meio chata, mas ela só estraga o acampamento, se você estiver com equipamentos mal escolhidos ou se não estiver com um espírito esportivo e campista! Aproveite a chuva no camping para sentar, fazer nada, ler um livro, conversar, fazer novas amizades com os vizinhos de barraca, dançar na chuva, qualquer coisa… use a criatividade e curta muito!

 


Esse foi um post colaborativo, com opiniões de mais de 20 pessoas que entendem bem sobre acampar na chuva, ou que já tiveram suas experiências positivas e negativas e puderam contribuir.
Gostaríamos de agradecer a cada um que colaborou com dicas:

Luís Henrique Fritsch, Haroldo Júnior, Sandro Reis, Acampamento Selvagem, Marcos Mineiro,
Benny Ricciardi, Marcel Panzera, Zé Luiz Dias, Rick Zini, Ariel Cavalcante, Paulo De Tarso Masotti, Melissa De Nadai, Leo Grassi, Juliano Dencker, Gisele Ferreira, Cristian Prado HD, Fabio Bianchi, Sávio Cellos, Sergio Moura Lima, Marcus Cavalcante, Renata Mognol, Marcelo Polato, Jose Carlos Silva, Ruan Almeida, Humberto Campista, Gustavo Guthmann Pesenatto, Danilo Kondrasovas Troncoso e Fabricio Schuler.

E você?  Tem outras dicas?? Deixe aí nos comentários abaixo!


Atenção! Você curte nosso site e nosso trabalho? Curte as dicas e conhecimentos que produzimos? Então pedimos que você colabore fazendo uma doação de R$15 (ou outros valores) e nos ajude a manter o site funcionando e com novos artigos! Pense...  R$15 é menos que a diária de um camping e colaborando aqui você sempre terá aqui informações para continuar acampando por anos e anos! É barato e super simples e para nós faz toda diferença. Para doar apenas Clique no Botão abaixo!

COMPARTILHAR
Artigo anteriorDicas para acampar na Ilha do Mel
Próximo artigoA Polêmica dos Cachorros nos campings
Porto-alegrense, mochileira, campista e formada em turismo. Um dia ela resolveu unir todas suas paixões: natureza, viagens, campismo, biologia, geologia, turismo e se tornou co-fundadora deste site.
  • Carlos Robert

    Ótimas dicas, eu só colocaria um adendo. Os perigos com raios em dias de tempestade, principalmente para quem gosta de acampar em praias.

  • Haroldo Júnior

    Oba! Adorei.

  • Fábio Barbosa Almeida

    Muito bom! Já compartilhei para amigos que estão começando.