Está chegando o feriado e você está louco para pegar a barraca e ir para o mato acampar!? Mas aí você percebe que tem alguém que não quer ficar sozinho em casa enquanto você se diverte… E você não sabe o que fazer com ele: o seu cachorro! Por que você não o convida para ser o seu parceiro de acampamento!? Pode ser divertido, para você e para ele!

Barking at the Window
“Me leva! Me leva!”

Mas é preciso um pouco de planejamento. Para a viagem ser tranquila e prazerosa, você deve pensar na boa convivência com os vizinhos de camping e no bem estar do seu próprio cão. Dá uma olhada nas nossas dicas:

1. Você conhece o seu cão? Antes de mais nada, pergunte a si mesmo se você conhece o seu cachorro e sabe como ele se comportaria diante dessa experiência nova, com pessoas diferentes, crianças correndo e outros animais. Se ele for muito bagunceiro, violento, anti-social, ou latir muito, pense na dor de cabeça que isso pode causar e se vale a pena levá-lo. Se achar que tudo bem, siga lendo as dicas!

2. Comece aos poucos. Se você nunca acampou com seu cachorro e não sabe muito bem como ele vai se comportar, comece com uma viagem curta, de 1 dia, depois um fim de semana, depois um feriadão, e vá sentindo se você e ele gostam.

Dicas em relação ao camping e aos vizinhos de acampamento

3. Verifique as regras do camping. Alguns campings permitem animais de estimação sem restrições, outros permitem só animais pequenos, outros só presos na coleira, outros permitem só em baixa temporada, e outros nem permitem. Por isso, entre em contato com o camping para descrever o seu cão e se certificar de que você pode levá-lo.

4. Mantenha o cachorro sempre na guia, mesmo se for treinado. Nem todo mundo gosta de cachorro… E até os que gostam não vão querer o seu cão com as patas sujas invadindo a barraca deles! Mesmo que seu cão seja obediente, muita gente tem medo e não gosta nem de pensar no bicho solto por perto. Pense também se ele vai reagir bem ficando preso o tempo todo; alguns estão acostumados, outros não.

5. Leve guias extensas para dar mais liberdade ao cão. Essa é uma dica boa para manter seu cachorro preso, ao seu alcance, porém com alguma liberdade para correr e brincar com mais espaço. Basta ter uma guia extensível, ou mais de uma guia e enganchar uma na outra.

6. Recolha o cocô e os restos de alimentos do seu cachorro! Se você tem um mínimo de higiene, essa dica é básica, não só para acampamentos! Essa atitude mantém o camping limpo, evita cheiros desagradáveis e não atrai insetos e outros animais.

Testing Camping Equipment
“Viu como eu me comporto bem!?”

Dicas em relação ao seu cão

7. Veja a previsão do tempo. Seu cão também sente frio e calor! Se fizer muito frio, leve uma roupinha e uma manta para ele se enrolar. Se fizer muito calor, dê bastante água fresca e garanta uma sombra para ele.

8. Planeje onde ele vai dormir. Pense onde ele está acostumado a dormir em casa e faça isso no camping. Se ele dorme na rua, deixe-o na rua – ou compre uma barraquinha para ele (tem para cachorro, ou pode ser aquelas de criança!). Se ele dorme no quarto com você, coloque ele dentro da sua barraca, mas se certifique de que há espaço para todo mundo!

9. Pense na segurança do seu cão no transporte. Se for viajar de carro, ele não deve ficar solto – você pode colocar um cinto de segurança especial ou colocá-lo numa caixa, e ainda assim prendê-la com o cinto. No caso de viagens de ônibus e avião, é necessário consultar a empresa que você vai utilizar, pois as regras variam de uma para outra.

10. Tome todos os cuidados em relação à saúde do seu cão. No contato com a natureza e com outros animais, seu cão pode ficar mais vulnerável. Por isso, confira se vacinas e vermífugos estão em dia e se os medicamentos estão todos na bagagem. Tenha o contato de um veterinário local para qualquer emergência. E leia algumas dicas de primeiros socorros para cachorros.

11. Tenha uma plaquinha de identificação. Coloque na coleira dele uma placa com pelo menos um número de telefone para você ser contatado caso seu cão se perca.

12. Não esqueça de todos os itens da bagagem canina! Cama, ração, pote da ração, água, pote da água, brinquedos, guia, roupinha, toalha, medicamentos… Esses são só alguns itens para lembrar! É bom levar todos os objetos com que ele já está habituado, pois já estranhará o local novo.

13. Pratique atividades que possam incluir o seu cão. Assim como numa viagem com crianças pequenas, você precisa adequar sua programação pensando no cachorro. Não programe, por exemplo, ficar o dia inteiro na praia, pois você não poderá levá-lo junto. O fato de seu cão ficar sozinho no camping não será bom para ele nem para os vizinhos.

Looking at Palo Duro Canyon (Texas, 1987)
“Adoro aventuras!”

Dicas para camping selvagem com cachorro

14. As dicas acima continuam valendo, com mais atenção para algumas. Além das vacinas e vermífugos, você deve ter atenção redobrada quanto a pulgas, carrapatos e bernes, que ocorrem mais facilmente em locais selvagens. Não esqueça também de verificar se terá água potável para você e para ele no local do acampamento; se não tiver, leve estoque suficiente. Se você vai deixá-lo solto, também é uma boa dica comprar uma coleira com luz de LED para não perdê-lo de vista à noite.

Observações importantes: acampamento selvagem com cachorro não é proibido e nem tem normas como num camping estruturado. Mas existe uma polêmica aí.

Tem gente que é contra levar cachorros (e outros animais) para trilhas, pois isso pode impactar negativamente o ambiente, poluindo rios, deixando resíduos, fazendo barulho e perturbando o ecossistema local. E tem o pessoal que gosta de levar seu cão para um camping selvagem: lá, se o cachorro for obediente e confiável, não tem problema deixá-lo solto! Ele vai correr de um lado para o outro e farejar tudo que é canto, e provavelmente não terá nenhuma pessoa incomodada. Mas você é quem vai decidir se deve levar seu companheiro ou não.

Não desista!

Todas essas dicas não são para fazer você desistir de levar o seu cão para o acampamento! Pelo contrário, queremos encorajar os campistas a levarem seus companheiros de quatro patas para curtirem uma aventura também! Apenas alertamos algumas coisas para que tudo corra bem, para que ninguém queira esganar o seu cachorro (ou você mesmo!) e para que ele também aproveite a viagem. Com certeza ele gosta de uma aventura outdoor tanto quanto você!

Relaxed
“Agora deixa eu descansar, tá?”

E você, já acampou com seu cachorro? Conte suas experiências!


Atenção! Você curte nosso site e nosso trabalho? Curte as dicas e conhecimentos que produzimos? Então pedimos que você colabore fazendo uma doação de R$15 (ou outros valores) e nos ajude a manter o site funcionando e com novos artigos! Pense...  R$15 é menos que a diária de um camping e colaborando aqui você sempre terá aqui informações para continuar acampando por anos e anos! É barato e super simples e para nós faz toda diferença. Para doar apenas Clique no Botão abaixo!

  • marcelino

    Fiquei esperançoso em conseguir um local pra acampar com meu cão pastor ao ler as 14 dicas acima. A decepção foi não ter nenhuma indicação de acampamento sem a temida restrição a cão de grande porte. Moro em Goiânia, impossibilitado de viajar por não querer deixar o meu amigo sozinho em casa.

    • Marcelino, realmente não é fácil encontrar campings que aceitem animais grandes. Alguns que aceitam é mais informal e não gostam de divulgar. Aqui no FuiAcampar esses campings aceitam animas (http://fuiacampar.com.br/?s=%22aceita+animais%22) mas alguns tem a restrição de tamanho. Infelizmente nosso sistema não diferencia isso automaticamente. Vá olhando de um em um, todos que não colocam restrições teoricamente aceitam inclusive grandes, mas mesmo assim não vá com seu Dog sem antes ligar e confirmar essa informação com o dono do camping, para evitar dores de cabeça.
      Abraços,

  • Rodolfo Souza

    Olá, uma excelente dica para quem tem cachoros pequenos, é levar TaPet. TaPet é um tapete higiênico reutilizável, lavável e permanete. Você pode deixar dentro da barraca para seu pet fazer xixi e no dia seguinte, basta lavar e por para secar. a turma do site FuiAcampar tem desconto na aquisição. Visite nosso blog em http://tapetepet.blogspot.com.br/ e faça contato.

  • Theo Westarb

    Honestamente, quem vai acampar e leva um cão,seja do porte que for, está realmente querendo incomodar os outros. Acampo há 35 anos e já fui atacado duas vezes por cães soltos em campings, já tive minha barraca invadida, já pisei em muita m_ _ _ _ e tive que jogar fora uma barraca por isso, sem contar em acordar de madrugada com aquele cheiro horrível de urina, cães latindo a todo momento, correndo de um lado para o outro e até cruzando. E o pior é que quando vc faz uma reclamação dizem: ” Ah! ele é bonzinho não faz mal algum…” Se tem boca com dentes então morde. Eu ligo antes e pergunto se aceita, se aceita cães, eu vão vou, e muito dos meus amigos que acampam também pensam assim..