Esse artigo foi escrito baseado em um texto que recebemos do Leo Grassi, campista há mais de 25 anos e que nos seus acampamentos busca contato com e natureza. Ele já passou por experiências desagradáveis em sua convivência com cachorros nos campings e seu relato nos fez trazer essa reflexão sobre o assunto para todos campistas que acompanham nosso trabalho.

Cachorros nos Campings

Sabemos que o assunto é bastante polêmico pois, há quem não queira acampar sem seus pets, há quem prefira acampar sem conviver com cães soltos pelo camping, há quem tem medo de cachorros (mesmo presos) e do outro lado estão os proprietários de campings que aceitam animais (alguns com restrições) e outros que não aceitam. Sem dúvida é um assunto bastante complexo e vale a reflexão por parte de todos.

O Leo teve algumas experiências que ele relata abaixo, ao acampar com cachorros de outros campistas soltos pelo camping.

“Em mais de uma ocasião, ao virar as costas tive minha barraca invadida por cães, minhas coisas reviradas, inclusive alguns campistas perderam bastante coisa nessa ocasião, nós tínhamos nosso alimento acondicionado dentro das térmicas, mas outros campistas não tiveram a mesma sorte e perderam alguns quilos de carne e outros alimentos.”

“Todos sabemos que os cães levantam a perna para urinar, já presenciei barracas sendo urinadas por cães. Em alguns estabelecimentos, é permitida a entrada de animais domésticos, desde que fiquem presos na guia. Em certa ocasião os proprietários dos animais se distanciaram de suas barracas e deixaram os  animais presos nas barracas. O que aconteceu foi que ocorreu uma grande confusão, um animal acoava contra o outro que estava preso na outra barraca, gerando uma grande quebra de silêncio, um  barulho ensurdecedor.”

Responsabilidades de cada um

Bom, sabemos que cabe ao Proprietário do Camping impor as regras do local. Ele pode dizer se irá aceitar animais, ou não, e sob quais condições. Há campings que colocam regra com relação ao tamanho ou à amabilidade do cachorro (por mais que às vezes isso possa ser bem subjetivo). Mas, mais importante, é não apenas criar, mas também divulgar as regras amplamente, para não acontecer de o campista chegar na portaria do camping com seu cachorrinho e descobrir que o local não aceita animais, ou que ele precisará ficar preso, ou outras condições específicas. Essa situação acaba sendo constrangedora para ambas as partes e pode gerar um clima bem desagradável.

Sugerimos fortemente que os proprietários dos campings criem suas regras, divulguem e façam cumprir! Se pode cachorro, é de qualquer tamanho? Qualquer raça? Tem regras? Tem que ficar preso? Pode ficar solto? Se não pode… que essa regra seja para todos!

Do outro lado dessa questão estão os campistas, que também podem ter diferentes perfis, eles podem querer levar seus bichinhos de estimação ou o podem não querer conviver com animais no camping, seja presos ou soltos. Se os proprietários de camping fazem uma boa divulgação das suas regras para receber os animais de estimação, fica mais fácil para os campistas escolherem para qual tipo de camping preferem ir.

Agora, para os campistas que querem acampar e não suportam deixar a companhia dos melhores amigos de quatro patas, nós entendemos, eles são como membros da família! Mas é preciso ter uma série de cuidados especiais, afinal ele estará em um ambiente novo e convivendo com pessoas e situações diferentes.

» Leia esse artigo com 14 Dicas para acampar com seu cachorro 

No seu desabafo Leo comenta também sobre outro problema bem delicado:

“Outro problema, os animais defecam no solo e nem sempre os donos removem. Você certamente não quer ver o seu filho brincando sobre fezes de cachorro, quer? Ou pisar em cima e levar pra dentro de sua barraca? 

Além da questão da responsabilidade e da saúde dos animais abordada no artigo citado acima, os proprietários precisam ter consciência dos cuidados extras necessários em um camping. Permitir que façam xixi nas barracas ou deixar as fezes pelo local está totalmente fora do aceitável para qualquer camping e é sobretudo uma falta de respeito para com todos os demais campistas!

E para os donos dos pets vale ainda uma reflexão sobre qual tipo de ambiente o animal está sendo levado e qual época, animais soltos em campings lotados (mesmo que seja permitido) pode ser bem complicado, pois o comportamento dos animais pode ser diferente em um ambiente novo e com muita gente. Campings mais amplos, espaçosos e na baixa temporada, podem ser um ambiente mais agradável para os próprios cachorros, para os donos e para os demais campistas!

Sugerimos fortemente que os donos de cachorros, que queiram levar eles para acampar, informem-se com antecedência com o camping no qual pretendem ficar hospedados, para ver a possibilidade de levar um animalzinho e quais as regras. E mais que isso, os donos precisam estar preparados para essa experiência e conscientes de que esse será um ambiente fora da rotina e isso exige responsabilidades diferentes das do dia-a-dia e um cuidado especial com o respeito ao espaço dos demais campistas.

Camping = lazer e bom convívio

Campings são áreas de prazer e bom convívio entre pessoas. É um local onde normalmente há crianças brincando livremente. Cachorros nos campings somente são bem vindos, se não atrapalharem uma convivência pacífica e harmoniosa entre campistas.

O Leo terminou seu texto dizendo: “Lembrem-se, camping é um local de convívio mútuo, onde devemos respeitar a natureza e preservá-la e não invadir o espaço de outros campistas.”

Eu concordo! E deixo também minha opinião de que animais que não se comportam, que não são dóceis, que ficam agitados em locais com movimento ou latem com muito, não combinam com um camping. Camping é um local de paz e convivência harmoniosa entre diversas pessoas. Talvez os cachorros com esse perfil possam ser incorporados a outras atividades de lazer da família.

Se você ficou interessado dê uma olhada no Turismo 4 Patas, que realiza diversas atividades de aventura com cachorros, na CanicrossBrasil, que realiza corridas com cachorros e na VaiTotó, que recentemente realizou a primeira corrida canicross no Rio Grande do Sul.

No OndeAcampar, o nosso cadastro de campings, é possível filtrar campings que aceitam animais, mas é preciso ficar atento às restrições na aba de “Regras” para ver as condições especiais de cada camping. Na dúvida, sempre entre em contato com o camping previamente para entender bem as regras e restrições.

Sabemos que o assunto é polêmico, mas fique à vontade para deixar suas experiências e opiniões nos comentários abaixo!


Atenção! Você curte nosso site e nosso trabalho? Curte as dicas e conhecimentos que produzimos? Então pedimos que você colabore fazendo uma pequena doação, o quanto você puder pagar... Essa é uma forma de manter nosso site funcionando. Qualquer valor para nós faz toda diferença para ajudar a manter o site no ar. Para doar apenas Clique no Botão abaixo!

COMPARTILHAR
Artigo anteriorDicas para acampar na chuva
Próximo artigoReview do Saco Estanque UltraSil View, da Sea to Summit
Porto-alegrense, mochileira, campista e formada em turismo. Um dia ela resolveu unir todas suas paixões: natureza, viagens, campismo, biologia, geologia, turismo e se tornou co-fundadora deste site.
  • jose carlos da silva

    tenho trez amiguinhos e nao vou acampar sem eles se no lugar do campig nao poder levar eles eu nao vou gosto muito deles e nao vou se eles nao forem